Rui Goncalves
Licenciatura em Economia /2007-2011

Na Universidade de Évora:

Ser estudante na Universidade de Évora é, sem dúvida, uma grande experiência, pois usufruímos de uma cidade extraordinária e de uma óptima Universidade. A Universidade, Colégio do Espírito Santo em específico, é um dos edifícios mais bonitos tanto da Universidade como da cidade. Dentro da Universidade aprendi e cresci muito, fazendo também grandes amizades que, espero, sejam para a vida.

Em Évora tem-se, sem dúvida, uma qualidade de vida que é difícil encontrar noutras cidades portuguesas. Os pontos mais fortes da cidade, na minha opinião, são a gastronomia, a cultura, a arquitectura e a noite.

Aproximando-se o fim da minha estada, começo já a sentir uma certa saudade da vida em Évora, mas estou convicto de que levo comigo competências imprescindíveis para superar os próximos desafios.

Lá fora:

A Universidade de acolhimento foi SAMK, na Finlândia. A Finlândia é um país fantástico para se estudar e viver, contudo muito caro. É um país grande, com paisagens lindíssimas e um desenvolvimento notável. Antes da experiência ERASMUS já tinha visitado os outros países escandinavos, o que me ajudou a minimizar o choque cultural. Mesmo assim, para mim, os maiores choques entre a nossa cultura e a finlandesa são, sem dúvida, a timidez dos finlandeses, o custo de vida, o clima e a língua.

O sistema de ensino superior é dos melhores do mundo, comparado com Portugal diria que é muito mais prático e a distância entre aluno e professor é muito menor. As infra-estruturas da Universidade são excelentes, com uma oferta de equipamentos muito vasta.

Neste período convivi e fiz amigos de culturas muito diferentes, tais como Asiática, Africana, Europeia, Árabe, Russa e Canadiana. Desenvolvi muito as minhas capacidades de trabalho e comunicação em ambientes multiculturais, bem como o meu inglês. Aproveitei também para viajar, quer dentro da Finlândia, quer nos países vizinhos a este e a sul, pois nunca os tinha visitado. Posso dizer que as viagens mais interessantes foram São Petersburgo e Lapónia e a mais marcante foi uma road trip, com um amigo Alemão, pela Lituânia, Letónia e Estónia.

A experiência ERASMUS alterou definitivamente a minha vida e os meus horizontes. Penso que tudo o que aprendi e desenvolvi com esta experiência vai ajudar-me muito no futuro.

Mensagem:

Considero ERASMUS uma experiência imperdível, que todos deveriam aproveitar caso tenham oportunidade.

Dt. Testemunho: 12.01.2011